COMERCIAL: 51 3061 1315 / ATENDIMENTO: 51 3061 2550 > Suporte

A importância das métricas para empresas

by
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Se só é possível gerenciar aquilo que se mede, é simplesmente inviável administrar bem uma empresa sem contar com mecanismos de aferição dos resultados, afinal, são esses números que oferecem subsídios para que o diagnóstico de qualquer situação se consolide. Pense bem: sem métricas é impossível promover os ajustes necessários às movimentações da economia corporativa, pois não existem dados nos quais se apoiar. Assim, quando não existe o devido acompanhamento, verificar os status das iniciativas, bem como a assertividade das decisões tomadas ou se é necessário alterar a estratégia do negócio, por exemplo, tornam-se ações impraticáveis.

Nesse contexto, assegurar o monitoramento do desempenho por meio de métricas é essencial, independentemente do tamanho ou do tipo da empresa. Mas calma, porque também não há razões para alarde! Sabia que existem soluções em software específicas que fazem com que o acompanhamento das métricas seja muito mais dinâmico e simples, não importando o perfil da organização ou o nicho de mercado? Pois confira nosso post de hoje e fique, de uma vez por todas, por dentro desse assunto:

Afinal de contas, o que vem a ser uma métrica?

Antes de desenrolarmos o tema aqui para a necessidade de se realizar o acompanhamento das métricas, é preciso compreender o que, de fato, são essas tais métricas. Pode-se basicamente dizer que as métricas são parâmetros e estatísticas que exibem, de forma quantitativa, o desempenho de uma determinada iniciativa colocada em prática. E não há limites para o estabelecimento de uma métrica, que pode se traduzir como o número de acessos ao site da empresa, a taxa de rejeição da página, a quantidade de curtidas ou de compartilhamentos em mídias sociais e assim por diante. Deve-se, assim, medir qualquer que seja a ação ou campanha da empresa para que seu respectivo desempenho seja acompanhado.

Quais são as principais métricas para empresas?

Como já dissemos, não há uma regra que restrinja a elaboração das métricas, cabendo à própria gestão estudar quais são as operações que resultam em indicadores de desempenho capazes de auxiliar na tomada de decisões. Mas de toda forma, ainda que não exista um modelo restritivo a ser seguido, o ideal é contar com uma boa solução de software, que possa proporcionar desde a coleta de dados até a extração de relatórios completos, cabendo à gestão apenas o trabalho de análise. Curioso para conhecer algumas das métricas mais comuns? Veja só:

Controle de acessos ao site

Controlar o número de visitas é importante, pois permite conhecer a quantidade de usuários que vem tendo acesso a seu conteúdo e interagindo com ele de algum modo. Obter esses valores permite que as postagens sejam melhor direcionadas, que se mantenha ou mude a linha editorial ou invista em marketing de conteúdo, por exemplo.

Origem do tráfego

A ideia dessa métrica é identificar a fonte de maior acesso dos usuários, ou seja, descobrir por que meio a maioria das pessoas chega até o portal e, a partir disso, traçar as características que tanto atraem o público. Em posse dessas informações fica bem mais fácil saber em que chamariz o investimento deve ser mantido ou para onde deve ser transferido.

Taxa de retenção de clientes

Você por acaso sabia que manter os clientes antigos é muito mais barato e fácil do que atrair novos clientes? Pois é exatamente por isso que a empresa deve se preocupar em conhecer essa taxa de retenção, potencializando ao máximo a manutenção de seus consumidores de longa data. Se há baixa retenção de clientes, a empresa deve investigar as razões e trabalhar o mais rapidamente possível na resolução do problema.

Independentemente do cenário considerado, a tomada de decisão só pode ser considerada confiável quando embasada por números. Do contrário e principalmente em um panorama economicamente instável, tomar medidas simplesmente intuitivas pode resultar no fracasso das iniciativas ou até mesmo da organização como um todo. Não é à toa que existem soluções de software especialmente dedicadas ao gerenciamento de métricas para empresas que visam se manter competitivas no mercado, característica essencial em um contexto onde a concorrência se mostra cada vez mais acirrada. Então o que ainda está esperando para garantir seu lugarzinho ao sol?

Pois agora nos conte: como anda o gerenciamento de métricas na sua empresa? Que indicadores são monitorados no dia a dia da organização? Que resultados já trouxeram de interessante? Compartilhe suas experiências conosco e enriqueça nosso post!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

About