COMERCIAL: 51 3061 1315 / ATENDIMENTO: 51 3061 2550 > Suporte

Sistemas ERP e Suas Características

by
erp
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Sistemas ERP

Os Sistemas Integrados de Gestão (SIG), também conhecidos como Sistemas ERP, passaram nos últimos anos por um processo de rápida evolução. Suas características, do mesmo modo, também foram sendo definidas. Atualmente os fornecedores de ERPs continuam expandindo seus sistemas com novos recursos a fim de estarem presentes na “corrida tecnológica”.

Os Sistemas ERP para serem considerados com tal, possuem algumas características indispensáveis, sendo elas apresentadas a baixo:

  1. Flexibilidade: um Sistema ERP é flexível de forma a responder às constantes transformações das empresas; operação sobre diferentes bases de dados, pois as informações podem mudar de áreas durante os processos;
  2. Modularidade: sistema de arquitetura aberta, isto é, pode ser utilizado um módulo livremente, sem que este afete os restantes; suporte a múltiplas plataformas de software e hardware, pois muitas empresas possuem sistemas heterogêneos; facilidade de expansão e/ou adaptabilidade de mais módulos posteriormente;
  3. Compreensivo: apto a suportar diferentes estruturas organizacionais das empresas, bem como a uma vasta área de negócios;
  4. Conectividade: não ser confinado ao espaço físico da empresa, permitindo a ligação com outras entidades pertencentes ao mesmo grupo empresarial (multi empresas);
  5. Melhores Práticas: possuir a seleção das melhores práticas de negócio do mercado;
  6. Simulação da Realidade: permitir a simulação da realidade da empresa com prospecções para os diversos módulos existentes, gerando sólidos relatórios e gráficos para auxiliar na tomada de decisões;

Além das características apresentadas, outros conceitos importantes, relativos aos sistemas ERP, são: funcionalidade, módulos, parametrização, configuração, customização, localização e atualização. A seguir acompanhe alguns cometários sobre cada um destes conceitos.

  • Funcionalidade: é o conjunto total de funções embutidas em Sistema ERP, suas características e suas diferentes possibilidades de uso.
  • Módulos: são os menores conjuntos de funções que podem ser adquiridos e implementados, separadamente em um Sistema ERP. Normalmente, tais conjuntos de funções correspondem a divisões departamentais de empresas.
  • Parametrização: é o processo de adequação da funcionalidade de um sistema ERP a uma determinada empresa através da definição dos valores de parâmetros já disponibilizados no próprio sistema.
  • Configuração: é o nome dado ao conjunto total de parâmetros após sua definição, representando o conjunto das opções de funcionamento das diversas funções de um Sistema ERP.
  • Customização: é a modificação de um sistema ERP para que este possa se adequar a uma determinada situação empresarial impossível de ser reproduzida através dos parâmetros já existentes.
  • Localização: é a adaptação (através de parametrizações ou customizações) de Sistemas ERP desenvolvidos em determinado país para utilização em outro, considerando aspectos como impostos, taxas, leis e procedimentos comerciais.
  • Atualização: são as “novas versões” disponibilizadas pelo fornecedor a fim de aumentar a funcionalidade e corrigir erros/problemas existentes.

Os Sistemas ERP são divididos em módulos para possibilitar que uma empresa implemente apenas aquelas partes do sistema que sejam de seu interesse, e, mesmo que a empresa deseje implementar todo o sistema, possa fazê-lo em etapas, para significar um processo. Além disso a divisão conceitual de um Sistema ERP em módulos facilita a compreensão de seu funcionamento e a divisão de responsabilidades entre os usuários (quem faz o quê).

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

About

2 Comments

  1. Débora Primo /

    Olá, adorei o texto. Gostaria que você me tirasse uma dúvida, os ERP’s podem ser considerados SIG’s? Por que?
    Abraços.

Comments are closed.